Faculdade de Tecnologia do Colégio Bandeirantes

Saber ouvir, saber negociar, saber ser…

Postado por Equipe BandTec

A vida profissional nos coloca desafios cotidianamente. O principal deles é lidar com pessoas. Na área de TI, especialmente, o profissional vivenciará situações nas quais sua capacidade de compreender e de se fazer compreender será colocada à prova.

Você já se perguntou por que é tão difícil negociar? Talvez você queira dicas de persuasão, formas de convencimento, tons de assertividade e tudo o mais. Bem, não será difícil para você encontrar tudo isso na Internet. Mas de pouca valia serão essas informações se você não considerar o fato de que, na sua frente, há uma pessoa querendo se comunicar.

Comunicar é tornar comum. Por isso, o primeiro ponto é alinhar pensamentos e linguagem. Saiba o que o outro deseja. Explique o que você pode oferecer. Discuta os termos dessa troca.

Não raramente, duas pessoas discutem sobre pontos em que concordam. Isso acontece porque ambas não conseguem ouvir o que está sendo dito. Por isso, busque esclarecer as colocações do seu interlocutor até que você compreenda perfeitamente bem o que ele diz. Pergunte quantas vezes for necessário: o que você quer dizer com…? Algumas vezes, repita o que seu interlocutor afirmou: “Se entendi bem, você está me dizendo que…”

Compreendida a mensagem, posicione-se claramente a respeito do que está sendo pedido. Afirme se você concorda ou não e explique seu posicionamento. Discordar não é encerrar o diálogo. As palavras “concordar” e “discordar” referem-se a caminhos do coração (cordis, em Latim, é coração). Todavia, corações podem seguir caminhos diferentes, e ainda assim, serem respeitosos e complementares.

Penso que a chave está em respeitar seu interlocutor, as ideias que ele coloca, a visão de mundo que ele traz. É importante saber que com a diferença podemos crescer e que nem todos os encontros são disputas. Embora na comunicação exista claramente um jogo, ser convencido não é necessariamente ser derrotado. Aceitar o ponto de vista do outro pode ser uma boa estratégia para demonstrar respeito, atenção e valorização. E essa postura vai transformar seu interlocutor, tornando o mais confiante e aberto para novos diálogos.

Não se obrigue a responder no momento. Ouvir é mais importante do que falar. Se não souber o que dizer, informe isso ao outro. Peça um tempo para refletir. Reflita. Depois, com calma, retome o assunto. “O silêncio é um amigo que nunca trai”, como diz a frase que costuma ser atribuída a Confúcio.

Equipe BandTec

Equipe de publicações da Bandtec Digital School


Nova chamada à ação

          

Cursos Graduação

Cursos Graduação BandTec

Os cursos são práticos, com ênfase em atividades de laboratório, estudos de casos e projetos, que fazem parte do dia a dia das empresas.

Veja os cursos:

Cursos Pós-Graduação

BandTec-pos-graduacao

As especializações visam uma formação completa voltada à empregabilidade de seus alunos. assim, incluem a abordagem de questões técnicas, mas também uma ampla visão de negócios e troca de vivências profissionais.

Veja os cursos: